Brasília-DF, 28 de julho de 2017.

O Clube da Aeronáutica de Brasília (Clubão) é um clube Classista da categoria dos Oficiais da Força Aérea Brasileira (FAB) que servem em Brasília-DF.



Salões


Churrasqueiras


Monumentos

Xavante AT-26 – EMB 326
Aeronave de origem italiana, foi produzido sob licença no Brasil e teve duas funções primordiais no país: ser o novo treinador dos pilotos de caça da Força Aérea Brasileira e auxiliar no desenvolvimento da indústria aeroespacial nacional. Irmão do Bandeirante foi fundamental para a consolidação da EMBRAER como fábrica de aviões.

Originalmente denominado MB 326 recebeu na FAB o código AT-26 Xavante e em 06 de setembro de 1971, o primeiro avião montado no Brasil, fez o voo inaugural em São José dos Campos.

O Xavante esteve presente em todas as Unidades de Caça da FAB e ao longo dos 39 anos de serviços bem prestados voou mais de 600.000 horas e formou 1.513 pilotos de caça.

No dia 02 de dezembro de 2010 o Xavante recebeu a merecida aposentadoria. Hoje a nobre missão de formar pilotos de caça é responsabilidade dos também brasileiros Super Tucano.

País de origem: Itália
Fabricante: EMBRAER
Tipo: Treinador de caça e ataque ao solo
Operadores: Brasil, África do Sul, Argentina, Austrália, Camarões, Emirados Árabes Unidos, Gana, Itália, Paraguai, República Democrática do Congo, Togo, Tunísia, Zaire e Zâmbia.
Experiência em combate: Namíbia - Força Aérea Sul-africana.

 

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

 

Mirage F-103E/D IIIEBR
Projeto francês teve como missão primordial a interceptação aérea para opor-se aos novos bombardeios estratégicos soviéticos. Caça rápido, com grande velocidade ascensional, simples e confiável era capaz de interceptar inimigos no menor tempo possível.

O Mirage III, conhecido na FAB por F-103E/D chegou ao Brasil em 01 de novembro de 1972 e voou pela primeira vez em 27 de março de 1973. Dentre as novidades do F-103 podemos destacar que foi a primeira aeronave da FAB a realizar voos supersônicos, portar mísseis Ar-Ar e ser o primeiro caça a ter radar embarcado.

Após 33 anos de operação e mais de 65.000 horas voadas os Mirage foram desativados em 31 de dezembro de 2005 sendo substituídos por modernos Mirage 2000 C/B.

Por todos esses anos os Jaguares estiveram sediados na Base Aérea de Anápolis.

País de origem: França
Fabricante: Dassault-Breguet
Tipo: Interceptador de defesa aérea
Operadores: Brasil, Argentina, Austrália, Líbano, Paquistão, África do Sul, Espanha, Suíça, Venezuela
Experiência em combate: Guerra dos 6 dias - Força Aérea Israelense; Guerra Indo-paquistanesa - Força Aérea Paquistanesa; Namíbia - Força Aérea Sul-africana; Guerra das Malvinas - Força Aérea Argentina.